Instalar um gateway de dados local

Um gateway de dados local é um software que você instala em uma rede local. O gateway facilita o acesso aos dados nessa rede.

Como explicamos na visão geral, você pode instalar um gateway no modo pessoal, que se aplica somente ao Power BI ou no modo padrão. Recomendamos o modo padrão. Nesse modo, é possível instalar um gateway autônomo ou adicionar um gateway a um cluster, o que recomendamos para alta disponibilidade.

Neste artigo, mostramos como instalar um gateway padrão, como adicionar outro gateway para criar um cluster e como instalar um gateway de modo pessoal.

Requisitos

Requisitos mínimos

  • .NET Framework 4.8
  • Uma versão de 64 bits do Windows 10 ou uma versão de 64 bits do Windows Server 2019
  • Espaço em disco de 4 GB para logs de monitoramento de desempenho (na configuração padrão)

Observação

A resolução de tela mínima com suporte para o gateway de dados local é 1280 x 800.

  • Uma CPU de 8 núcleos
  • 8 GB de memória
  • Uma versão de 64 bits do Windows Server 2016 ou posterior
  • Armazenamento de unidade de estado sólido (SSD) para spooling
  • Não há suporte para os gateways nas instalações do Server Core.

  • Não há suporte para gateways em contêineres do Windows.

  • O usuário que está instalando o gateway deve ser o administrador do gateway.

  • O gateway não pode ser instalado em um controlador de domínio.

  • Se você planeja usar a autenticação do Windows, lembre-se de instalar o gateway em um computador que seja membro do mesmo ambiente do Active Directory que as fontes de dados.

  • Não instale um gateway em um computador, como um laptop, que possa ser desligado, hibernado ou desconectado da Internet. O gateway não poderá ser executado em nenhuma dessas circunstâncias.

  • Se o gateway usar uma rede sem fio, seu desempenho poderá ser afetado. Recomendamos que você defina o gateway em um dispositivo com fio para obter o melhor desempenho de rede possível.

  • Se você usar uma camada de virtualização para a máquina virtual, o desempenho poderá ser prejudicado ou ficar inconsistente.

  • Você pode instalar outros aplicativos no computador do gateway, mas esses aplicativos podem prejudicar o desempenho do gateway. Se você instalar outros aplicativos no computador do gateway, não se esqueça de monitorar o gateway de modo mais rigoroso para verificar se há alguma contenção de recursos.

  • Você pode instalar até dois gateways no mesmo computador: um em execução no modo pessoal e o outro no modo padrão. Um gateway de dados local (modo pessoal) pode ser usado somente com o Power BI. Você não pode ter mais de um gateway executando no mesmo modo no mesmo computador.

  • O gateway de dados local (modo padrão) deve ser instalado em um computador ingressado no domínio que tenha uma relação de confiança com o domínio de destino.

  • Quando o link privado estiver habilitado, desabilite-o antes de instalar o gateway. Após a instalação, você poderá habilitá-lo novamente. Se o link privado estiver habilitado, você receberá o seguinte erro ao tentar registrar um novo gateway ou migrar/restaurar/assumir um gateway existente:

    System.NullReferenceException: Object reference not set to an instance of an object

    em Microsoft.PowerBI.DataMovement.GatewayCommon.DmtsGatewayCreation.UpdateGatewayConfiguration.

    Para desabilitar o link privado, vá para a página powerbi.com e selecione Configurações>Portal de administração. Procure a seção Rede avançada na parte inferior da página e desabilite a propriedade Link Privado do Azure. Depois que o gateway for configurado, você poderá habilitar a propriedade Link Privado do Azure.

Baixar e instalar um gateway padrão

Como o gateway é executado no computador no qual é instalado, instale-o em um computador que esteja sempre ligado. Para obter o melhor nível de desempenho e confiabilidade, recomendamos que o computador esteja em uma rede com fio, não em uma rede sem fio.

  1. Baixar o gateway padrão.

    Observação

    O gateway de dados local (modo padrão) deve ser instalado em um computador ingressado no domínio que tenha uma relação de confiança com o domínio de destino.

  2. No instalador do gateway, mantenha o caminho de instalação padrão, aceite os termos de uso e selecione Instalar.

    Installing to the default installation path.

  3. Insira o endereço de email da conta da organização do Office 365 e selecione Entrar.

    Entering your email address.

    Observação

    Você precisa entrar com uma conta corporativa ou de estudante. Esta é uma conta de organização. Se você se inscreveu em uma oferta do Office 365 e não informou o email de trabalho, o endereço será parecido com este: nancy@contoso.onmicrosoft.com. Sua conta é armazenada em um locatário no Microsoft Entra ID. Na maioria dos casos, o nome UPN da sua conta do Microsoft Entra corresponderá ao endereço de email.

    O gateway está associado à conta da organização do Office 365. Você gerencia os gateways por meio do serviço associado.

    Agora, você está conectado à sua conta.

  4. Selecione Registrar um novo gateway neste computador>Avançar.

    Registering the gateway.

  5. Insira um nome para o gateway. O nome precisa ser exclusivo no locatário. Insira também uma chave de recuperação. Você precisará dessa chave se quiser recuperar ou mover o gateway. Selecione Configurar.

    Configuring the gateway.

    Importante

    Você é responsável por manter a chave de recuperação do gateway em um local seguro, onde ela possa ser recuperada mais tarde. A Microsoft não tem acesso a essa chave e não pode recuperá-la.

    Observe a caixa de seleção Adicionar a um cluster de gateway existente. Usaremos essa caixa de seleção na próxima seção deste artigo.

    Observe também que você pode alterar a região que conecta o gateway aos serviços de nuvem. Para obter mais informações, confira Definir a região do data center.

    Observação

    Para nuvens soberanas, no momento há suporte à instalação de gateways na região do PowerBI padrão do locatário. Só há suporte ao seletor de região no instalador da nuvem pública.

    Por fim, você também pode fornecer seus próprios detalhes da Retransmissão do Azure. Para obter mais informações de como alterar os detalhes da Retransmissão do Azure, confira Definir a Retransmissão do Azure para o gateway de dados local.

  6. Examine as informações na janela final. Como esse exemplo usa a mesma conta para o Power BI, o Power Apps e Power Automate, o gateway está disponível para os três serviços. Selecione Fechar.

    Gateway summary.

Agora que você instalou um gateway, já pode adicionar outro gateway para criar um cluster.

Adicionar outro gateway para criar um cluster

Um cluster permite que os administradores de gateway evitem um ponto único de falha para o acesso a dados local. Se o gateway primário não estiver disponível, as solicitações de dados serão encaminhadas para o segundo gateway que você adicionar e assim por diante.

Como é possível instalar somente um gateway padrão em um computador, você precisa instalar cada gateway adicional no cluster em um computador diferente. Este requisito faz sentido para garantir a redundância no cluster.

Observação

Os membros offline do gateway em um cluster afetarão negativamente o desempenho. Esses membros devem ser removidos ou desabilitados.

Verifique se os membros do gateway em um cluster estão executando a mesma versão do gateway, porque versões diferentes podem causar falhas inesperadas com base na funcionalidade com suporte.

Para criar clusters de gateway de alta disponibilidade, é necessária a atualização de novembro de 2017 ou posterior do software de gateway.

  1. Baixe o gateway em outro computador e instale-o.

  2. Depois de entrar em sua conta da organização do Office 365, registre o gateway. Selecione Adicionar a um cluster existente. Na lista Clusters de gateway disponíveis, selecione o gateway primário, que é o primeiro gateway instalado. Insira a chave de recuperação desse gateway. Selecione Configurar.

    Adding a gateway to a cluster.

Baixar e instalar um gateway de modo pessoal

  1. Baixar o gateway de modo pessoal.

  2. No instalador do gateway, insira o caminho de instalação padrão, aceite os termos de uso e selecione Instalar.

    Installing personal mode to the installation path.

  3. Insira o endereço de email da conta da organização do Office 365 e selecione Entrar.

    Entering your personal mode email address.

    Observação

    Você precisa entrar com uma conta corporativa ou de estudante. Esta é uma conta de organização. Se você se inscreveu em uma oferta do Office 365 e não informou o email de trabalho, o endereço será parecido com este: nancy@contoso.onmicrosoft.com. Sua conta é armazenada em um locatário no Microsoft Entra ID. Na maioria dos casos, o nome UPN da sua conta do Microsoft Entra corresponderá ao endereço de email.

    O gateway está associado à conta da organização do Office 365. Você gerencia os gateways por meio do serviço associado.

  4. Agora, você está conectado à sua conta. Selecione Fechar.

    Personal mode gateway summary.

Próximas etapas